Héroi da vida real: para levar paz e esperança, fisioterapeuta Gabriel Grasi se veste de Thor nos hospitais

Para além da reabilitação dos pacientes no que se diz respeito à parte física, o papel do profissional da área da saúde ocasiona em interferências diretamente ligadas também ao aspecto emocional. As formas de tratamento dos pacientes são meios que poderão influir diretamente na resposta para o tratamento, fazendo da atuação profissional uma arte.

A sensibilidade social e boa relação entre o técnico e o paciente são fatores capazes de mudar cenários adversos. Inspirado pelo amor e respeito por seus semelhantes e pelo prazer de cuidar dos mais necessitados, o fisioterapeuta Gabriel Grasi trilhou seus caminhos na área da saúde e virou destaque por seu trabalho com crianças com necessidades especiais. De fisioterapeuta à herói, Gabriel Grasi passou a utilizar sua fantasia de Thor para agir em favor da plena recuperação de seus pacientes.

Uma infância dura na zona rural e o bullying promovido por seus colegas de turma, por estar acima do peso, não foram questões que o fizeram desviar o foco de sua missão humanitária. Apesar desta forma de tratamento na época, Gabriel Grasi, a humildade e ser de fato ser humano foram lições herdadas de seus pais, Vanda e Cláudio, que sempre o incentivaram nesta linda missão: “desde novo me sentia motivado a seguir por esta área, e jamais desisti”, afirma.

Passar de fisioterapeuta para o voluntariado foi um processo que se deu de maneira extremamente natural. Durante um estágio no Hospital do Câncer de Barretos, a reação das crianças atendidas ao verem pessoas fantasiadas no local foi determinante para que o fisioterapeuta finalmente se tornasse o Thor, verdadeiro herói da região: “fiz um teste vestindo de início uma roupa improvisada do personagem e as crianças foram ao delírio quando apareci, realmente acreditavam que era de verdade, foi quando usei isso levando palavras de conforto, fé e esperança”, conta Gabriel Grasi.

Especializado em terapia manual e saúde da coluna, o fisioterapeuta garante que a melhor resposta e confirmação de que valeu a pena acontece quando o paciente chega no consultório transformado: “em alguns casos eles chegam ‘travados’, mal andando, e a volta para as atividades normais após uma sessão bem-feita de terapias manuais é algo recompensador”, afirma o profissional.

A infância repleta de heróis e gibis foi não só a inspiração como motivação para que Gabriel Grasi tentasse fazer algo a mais pelas crianças: “tivemos um caso de uma criança em especial que estava usando uma sonda e com dificuldades de se alimentar, não conseguia. Depois de uma boa conversa me informaram de que ela não somente a sonda teria sido retirada, como ela estava comendo normalmente, bem motivada”, conta.

Atualmente, o fisioterapeuta auxilia de forma totalmente voluntária hospitais e instituições como lares de crianças órfãs, APAE, entre outras. As ações voluntárias deram maior visibilidade ao profissional, que acabou ganhando certa fama no ramo publicitário, sendo solicitado no ramo publicitário para trabalhos e propagandas para as mais diversas empresas.

Quis o destino que o fisioterapeuta conhecesse Doane, o grande amor de sua vida, como o próprio define, em uma visita ao Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto: “na época ela já atuava como psicóloga no hospital, e acabamos nos casando no programa Fábrica de Casamentos, do SBT”, explica.

Outros trabalhos como interpretar o Thor no programa Caldeirão do Huck, da Rede Globo, e uma matéria sobre sósias no programa Domingo Espetacular da Rede Record, constam em seu currículo extenso: “são acontecimentos que vindo de um menino do interior, criado na roça, causam orgulho pois jamais imaginaria que seria possível, explica Gabriel Grasi, que permanece firme e sem esquecer de suas origens.

Apesar de, devido a sua enorme popularidade e credibilidade, receber convites para ser pré-candidato a vereador da cidade de Orlândia, o desejo de Gabriel Grasi é passar o resto de sua vida nesta cidade que tanto ama e que o acolheu como filho. O reconhecimento de seu trabalho é uma motivação diária para o fisioterapeuta, que seguirá compartilhando momentos com seus seguidores através de suas redes sociais, pelo Instagram (@gabrielthoralemao) e Facebook (Gabriel Grasi Thor).