Narrador de eSports Mobile, Bruno Clash ganhou notoriedade e já participou de vários torneios no mercado que movimenta bilhões

Já imaginou ganhar dinheiro no lucrativo mercado de jogos? Bruno Veiga Lopes, mais conhecido como Bruno Clash escolheu viver essa realidade de games e transformou um sonho em realidade. Narrador de Games Mobile, o streamer/youtuber já viajou para mais de 10 países para transmitir as emoções dos torneios internacionais para a comunidade de língua portuguesa. Um fato curioso é que ele escolheu, nada menos do que o maior mercado em faturamento no mundo, o de games mobile.

Antes de se tornar conhecido, o narrador de 36 anos trabalhou como bancário e comprador de serviços de tecnologia, mas decidiu deixar o mercado tradicional para viver o sonho de narrar esportes. Como resultado, BrunoClash tornou-se referência no mundo competitivo de Clash Royale com suas narrações cheias de emoção e com seus vídeos de dicas, análises, updates e tutoriais. “Amo fazer isso e gosto de levar minhas narrações com aquela pitada de bom humor e alegria”, ele conta. 

Entusiasta dos jogos mobile, Bruno Clash já esteve à frente de narrações também nas TVs, nos canais pagos esportivos como ESPN, SporTV e Esporte Interativo. Recentemente, Bruno participou das coberturas de dois mundiais, na Inglaterra e no Japão. Agora, ele se prepara para participar da transmissão da segunda temporada da Clash Royale League 2019 em Los Angeles. Hoje Bruno Clash é considerado a voz do Clash Royale no Brasil, tendo atuado em mais de 20 competições nacionais e internacionais como narrador de todas as competições oficiais em língua portuguesa.

Apesar da experiência, Bruno se prepara para mais um desafio na carreira. Com o anúncio da entrada da nova categoria de melhor CASTER no Prêmio eSports BR (o mais consagrado Prêmio para o eSport Brasileiro), ele se diz motivado para crescer ainda mais, e mostrar seu trabalho para quem sabe ser indicado ao Prêmio. “Seria a realização de um sonho”, diz, emocionado.

EXPERIÊNCIAS – Só para ter uma ideia da bagagem que ele tem, ele já atuou nos seguintes torneios: Mundial de Clash Royale 2017: Crown Championship (Inglaterra), World Finals Clash Royale League 2018 (Japão), CR Nations 2018 (Tenerife), MGL Worlds 2017, Crown Championship LATAM 2017 e 2018, CRL LATAM 2018 (México), Combine CRL LATAM 2018 (Colombia), ESPN Brasil Premier League 2017 e 2018, ESWC Gamescom 2017 (Alemanha), ESWC Paris GameWeek 2017 (França), Brasil Game Cup 2017 (BGS), GameXP 2017 (Rock in Rio), TUES de Clash Royale 2018 na SporTV, TUES de Clash Royale 2019, Torneio Touchdown 2017 (Finlândia), Liga Brasileira de CR 2018, Qualificatória do Mundial de Clash of Clans 2019. 

MERCADO – Os eSports estão em crescimento constante nos últimos anos. As competições estão cada vez mais deixando de lado as limitações e hoje é possível ser um jogador profissional até mesmo de games destinados ao público fã de jogos de celular, que, segundo a agência “NewZoo”, deve gerar o maior lucro do mercado de games em 2021.