Músico carioca deixou o país para realizar os sonhos em Los Angeles

Em busca dos seus sonhos, o brasileiro Thiago Pereira vendeu guitarras, amplificadores, pedais e deixou sua família para estudar no Musicians Institute College of Contemporary Music, em Los Angeles, EUA

Foto: Arquivo Pessoal

Todos os dias, milhares de brasileiros saem do Brasil em busca de uma vida melhor e na realização de sonhos. Esse foi o desejo do jovem Thiago Pereira, que formou-se no Musicians Institute College of Contemporary Music, em Los Angeles, EUA, com Certificate in Guitar Performance, em junho de 2017. Aos 29 anos, ainda não pretende voltar para casa e já está com um novo projeto que mistura os ritmos nordestinos, samba com rock em músicas instrumentais ou nao. Pretende dedicar-se ainda mais em suas composições, pois tem trechos e ideias inacabados e que dariam um EP se estivessem prontos. Ele contou que já estão gravando e também vai iniciar a produção de um single.

Guitarrista e compositor, Thiago Pereira, ex-membro das bandas cariocas: Acesso B e Trio Caribu, teve de deixar para trás família, amigos e sua terra natal para investir nos estudos e em sua carreira. Hoje, o brasileiro tenta conquistar seu espaço no concorrido cenário musical da Califórnia, onde mora e trabalha. Com um estilo musical abrangente e que já tocou até samba, ele conta que continua adquirindo novas influências para sua música:

“Eu tocava Rock e Pop, principalmente nacional e dos anos 80, até por causa da banda. Hoje eu continuo tocando Rock e Pop, mas também estou ligado em Jazz e Fusion”, Thiago.

Acesso B
Foto: Arquivo Pessoal

Thiago não veio de uma família de músicos. Ele conta que sempre gostou de música, mas o interesse em seguir uma carreira começou por volta de 2007. Cresceu ouvindo o ritmo pop dos anos 70 e 80, nomes como Lionel Richie, Elton John, Mariah Carey, Michael Jackson, Kenny G, Bruce Springsteen entre outros. Aos 12 anos, um amigo começou a tocar violão, acabou se interessando também e de tanto perturbar os pais, Rogério Crispim e Cláudia Pereira, ganhou um violão, em seguida uma guitarra e logo decidiu estudar música para aperfeiçoar-se ainda mais. Thiago pereira contou alguns de seus sonhos e disse que gostaria de acompanhar um grande artista, ter seu trabalho solo reconhecido e tocar em um grande espetáculo.

Antes de viajar, casou-se com Taís Lima, com quem conta na hora que a saudade aperta. Em seguida começaram a economizar, vendeu guitarras, amplificadores, pedais. Ele sabia que não seria fácil, mas com o apoio dos pais, da esposa e o valor que arrecadaram, conseguiu garantir o curso e a viagem.

Trio Caribu
Foto: Arquivo Pessoal

Às vezes as pessoas querem fazer um curso no exterior, mas esquecem das despesas que estão por vir e da saudade dos familiares. Ele contou, que quando chegaram em  Los Angeles, não tinham ideia do preço dos aluguéis e os valores que se basearam não existiam mais. O músico contou que tiveram que pesquisar e andar muito até acharem um local que fosse seguro, com boa localização e não muito além do preço que haviam previsto. Ele ainda explicou que difícil  mesmo foi  ficar longe da família. Thiago disse que a saudade dos familiares não poderia atrapalhar seus estudos. Ele contou que durante as aulas não era difícil, mas a cada três meses a saudade apertava.

“Porque eram muitas aulas, então eu ficava muito tempo na escola com a cabeça muito ocupada. Durante os “breaks”, a cada três meses, era mais difícil, mas minha esposa me ajudou muito a passar por tudo. Mas você tem que ter sempre alguma coisa que tire sua cabeça das coisas que estão acontecendo na sua terra natal”, resumiu.

Show com Larissa
Foto: Arquivo Pessoal

O guitarrista ainda contou que seu primeiro show em Los Angeles, numa Jam session, num Pub chamado State Social House, foi inesperado, como muita coisa que estava acontecendo em sua vida. Ele também tocou com a cantora Larissa Barthem, no restaurante em Hermosa Beach, um restaurante brasileiro. Ainda contou que escreveu todo o repertório e ensaiaram apenas uma vez.

“Foi uma experiência incrível! Era um restaurante brasileiro, então havia brasileiros, mas havia americanos também, claro. Tocamos só músicas do Brasil. E foi muito legal ver que os americanos gostam respeitam a nossa música”, completou.

Durante as aulas
Foto: Arquivo Pessoal

Desde Outubro de 2017, o carioca está trabalhando no Musicians Institute como Teacher’s Assistant. Faz parte de uma das bandas que apoiam os alunos durante as aulas de canto, bateria, teclado e engenharia de áudio.  Como se fosse músico dos alunos. Além das sessões de Tutoring, que são praticamente aulas particulares que dá à alguns alunos que precisam de ajuda.

Thiago ainda contou que a melhor maneira de estudar fora do país e não sentir diferença, é planejar-se financeiramente. Ele explicou que é importante pesquisar preços de moradia em sites especializados, ficar atento às redes sociais das escolas, pois o estudante pode conseguir dividir os custos de aluguéis com um colega de quarto. O carioca, que deixou o Rio de Janeiro para se aventurar nas terras do “Tio Sam“, contou que o segredo é estudar muito e dedicar-se, pois só assim conseguirá conquistar seu lugar.

Acompanhe o artista nas redes sociais:

Facebook: https://www.facebook.com/thiagofeper/

Instagram: https://www.instagram.com/thiagofeper/

YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCIwqPyONRi5EGEmcADK0H5