Policial militar, Mister Brasil arranca suspiros no Sambódromo do Anhembi

Eleito Mister Brasil em 2017, Bruno Poczinek, 28, desfilou pela primeira vez no Sambódromo e já começou com duas escolas de samba da capital paulista.

Ele, que diz nunca ter sido modelo profissional mas sim policial militar há cinco anos, sambou pela X9 Paulistana e pela Vai Vai.

O policial gato afirma ter surgido “do nada” a oportunidade para concorrer como Mister, tanto na etapa estadual como depois na nacional.

Foi o primeiro a quebrar um paradigma na corporação entrando na área de concursos de beleza, porém afirma não ter sofrido discriminação.

Natural do Paraná, Bruno vive em Joinville (SC), e diz estar solteiro. O moço quer fazer a diferença e mostrar trabalho, não apenas beleza. O público feminino agradece.

 

Fonte: FOLHA DE SÃO PAULO